De que está à procura ?

reinounido
Lisboa
Porto
Londres, Reino Unido
Publireportagens

Como a Riberalves ajudou à reinvenção do consumo de bacalhau

No seguimento de uma proposta apresentada pela família fundadora da Riberalves, a AIB – Associação dos Industriais do Bacalhau, apresentou recentemente aos partidos políticos representados na Assembleia da República uma proposta para a instituição do Dia Nacional do Bacalhau.

Entre os todos os argumentos que sustentam a pertinência desta proposta, desenvolvidos em parceria com Álvaro Garrido, professor da Universidade de Coimbra e autoridade nacional, na investigação da história e economia da pesca do bacalhau, destacava-se o facto de o bacalhau ser um importante elo de ligação à Portugalidade. Um futuro Dia Nacional do Bacalhau, para além de homenagear os pescadores e o carácter heroico e trágico da pesca, ou de evocar toda dimensão gastronómica associada ao “fiel amigo”, será também um dia de celebração da cultura portuguesa pelo Mundo.

Empresas como a Riberalves, que está presente em mais de 20 países graças a uma forte vocação exportadora, em muito contribuem para que o bacalhau, símbolo de identidade do País, seja presença frequente junto das Comunidades Portuguesas. Se tivermos em conta que um dos picos de consumo de bacalhau em Portugal, para além do Natal e da Páscoa, é precisamente durante as férias de Verão, quando milhares de portugueses regressam ao país onde têm raízes, então percebemos a pertinência desta aposta: o bacalhau também pode, e deve, ir ao encontro dos Portugueses!

Nos últimos dez anos, a Riberalves implementou uma forte aposta na exportação, reinventado ao mesmo tempo o consumo de bacalhau. Superando todos os constrangimentos associados à preparação do “Fiel Amigo”, a empresa sediada em Torres Vedras desenvolveu o Bacalhau Demolhado Ultracongelado. Trata-se do mesmo bacalhau de Cura Tradicional Portuguesa, mas já demolhado, Pronto a Cozinhar. Com toda uma nova linha de produtos nesta categoria, a Riberalves veio assim responder às necessidades das famílias, cada vez menos disponíveis ou conhecedoras para processos como o da demolha ou da congelação.

Estes produtos, que se destacam pela sua qualidade (todo o Bacalhau Riberalves tem pelo menos 6 meses de cura) e pelo carácter prático (permitem a confecção de uma refeição de excelência em minutos), vieram transformar o consumo de bacalhau. Por exemplo, também já não é forçoso comprar-se e pedir para cortar um bacalhau inteiro, podendo escolher-se apenas as postas preferidas.
Face a esta nova realidade, no ano 2016 as vendas de Bacalhau Pronto a Cozinhar, na Riberalves, superaram pela primeira as vendas de Bacalhau Salgado Seco, em grande parte graças à dinâmica de exportação e à preferência dos portugueses espalhados pelo Mundo. Assim se entende como a Riberalves mantém como estratégia continuar com uma forte presença, assente em critérios de alta qualidade e excelência, junto de todas as Comunidades Portuguesas.