De que está à procura ?

reinounido
Lisboa
Porto
Londres, Reino Unido
Portugal

O fim de semana do batom vermelho

O batom vermelho de Marisa Matias não agrada ao líder do Chega. André Ventura fez um comentário depreciativo sobre a candidata apoiada pelo Bloco de Esquerda e o Twitter pintou-se de vermelho em forma de apoio à eurodeputada.

Em Portalegre, durante um comício na noite de quarta-feira, André Ventura não foi parco nas palavras: além de ter sugerido que António Costa se prepara para abandonar o cargo em breve, recorreu a insultos para atacar os seus adversários na corrida a Belém.

Marcelo Rebelo de Sousa, Ana Gomes e João Ferreira foram alguns dos visados, mas foram as críticas a Marisa Matias que mais repercussões tiveram. Pelo menos, no Twitter.

O líder do Chega disse que a candidata apoiada pelo Bloco de Esquerda está a ter “uma performance muito abaixo do que seria expectável, com ar de que todos lhe devem dinheiro e ninguém lhe pagou”.

Mas não ficou por aqui: André Ventura atacou “os lábios muito vermelhos” de Marisa Matias, acrescentando que a candidata “não está tão bem em termos de imagem” e que “pinta os lábios como se fosse uma coisa de brincar”.

Vários dirigentes bloquistas entraram na onda de apoio – Pedro Filipe Soares, Joana Mortágua, Luís Monteiro ou Fabian Figueiredo -, mas não foram os únicos. Houve apoios a ecoarem fora do partido, entre anónimos e nem mesmo a sua adversária Ana Gomes ficou indiferente.

Além de partilhar algumas das imagens que iam sendo publicadas na rede social, a socialista prometeu entrar no movimento de apoio. E o prometido foi cumprido.

O movimento de solidariedade na rede social ganhou força no mesmo dia em que uma sondagem da Pitagórica dá conta de que André Ventura ultrapassa Ana Gomes nas intenções de voto, alcançando o segundo lugar.

O candidato do Chega surge à frente da adversária socialista em segundo lugar, somando 11% das intenções de voto. Ana Gomes surge em terceiro lugar, com 10.8%.

Bia Vasconcelos

Na sexta-feira, Marisa Matias considerou que o insulto que André Ventura “fez às mulheres não diz nada sobre as mulheres, mas diz tudo sobre esse senhor”, mostrando-se feliz com a onda de solidariedade gerada nas redes sociais.

Em Lisboa, no final de uma ação de campanha no SOS Animal, a dirigente e recandidata bloquista foi questionada sobre os insultos de que foi alvo por parte do líder do Chega. “Fico mesmo muito feliz com a onda de solidariedade que se criou, não só em relação a mim, mas em relação a todos as mulheres que ainda hoje têm que ouvir este tipo de comentários.”

“O insulto que esse senhor fez às mulheres não diz nada sobre as mulheres, mas diz tudo sobre esse senhor. É só isso que tenho a dizer”, acrescentou.

Por sua vez, André Ventura considera que o movimento de solidariedade pode ter um efeito útil nos equilíbrios políticos. Segundo o Observador, que cita o candidato presidencial, a candidatura de Marisa Matias ganhou um novo impulso e Ana Gomes vê agora a bloquista com força renovada para disputar eleitorado.

O deputado único acredita que, com uma maior divisão à esquerda, aumentam as suas hipóteses de ficar em segundo lugar nas eleições presidenciais.

Ruben Alves