De que está à procura ?

reinounido
Lisboa
Porto
Londres, Reino Unido
Europa

Marcelo recorda grão-duque João como amigo fiel de Portugal

O Presidente português, Marcelo Rebelo de Sousa, lamentou a morte do grão-duque João do Luxemburgo e recordou-o como “grande estadista” e “amigo fiel de Portugal”, numa mensagem de condolências enviada ao seu filho Henrique.

O grão-duque João do Luxemburgo, que governou o país durante 36 anos, morreu aos 98 anos de idade, anunciou o seu filho Henrique numa mensagem divulgada de manhã.

João do Luxemburgo governou de 1964 a 2000, altura em que abdicou a favor do seu filho Henrique, atual governante do pequeno estado.

De acordo com uma nota publicada no portal da Presidência da República na Internet, na mensagem dirigida ao grão-duque Henrique, Marcelo Rebelo de Sousa “lembrou a forte ligação” do seu pai a Portugal, “sustentada em laços familiares e no papel que desempenhou no seu reinado”.

Segundo o Presidente da República, João do Luxemburgo foi “protagonista maior de um longo período de desenvolvimento do seu país, de construção da casa comum europeia e com inestimável amizade por parte da comunidade portuguesa e luso descendente residente no Luxemburgo”.

Marcelo Rebelo de Sousa elogia “o seu percurso de grande estadista, mas também de soldado pela liberdade durante a Segunda Guerra Mundial”.

Estendendo as suas condolências “à grã-duquesa Maria Teresa e a toda a família e aos cidadãos daquele país irmão”, o chefe de Estado lamenta “a perda do lutador pelas causas nobres e do amigo fiel de Portugal”.

O Presidente português realizou uma visita de Estado ao Luxemburgo em maio de 2017.

O grão-duque João foi soldado do exército britânico durante a Segunda Guerra Mundial e participou no desembarque da Normandia.

A sua última aparição pública ocorreu no final de março durante um fórum organizado pela sua nora, a grã-duquesa Maria Teresa, sobre o combate à violência sexual nas zonas de guerra.

Nascido em 05 de janeiro de 1921, João do Luxemburgo era filho da grã-duquesa Charlotte do Luxemburgo e do príncipe Felix de Bourbon de Parma.

Depois de estudar no Luxemburgo e no Reino Unido, o herdeiro da coroa entrou na Guarda Irlandesa como voluntário em 1942, uma unidade do exército britânico.

João de Luxemburgo casou em 1953 com a princesa Josefina da Bélgica, irmã dos antigos reis belgas Balduíno e Alberto II.

Josefina morreu em janeiro de 2005.