De que está à procura ?

reinounido
Lisboa
Porto
Londres, Reino Unido
Europa

Covid em Espanha: Madrid intensifica restrições

A região de Madrid anunciou esta semana que, a partir da próxima segunda-feira, vai endurecer as medidas de luta contra a covid-19, antecipando para as 23:00 o recolher obrigatório e pedindo que só entrem em casa as pessoas do agregado familiar.

Na comunidade autónoma em que se encontra a capital espanhola, o recolher obrigatório será assim antecipado das 24:00 para as 23:00 horas e a hora de encerramento do setor da restauração e similares é antecipada para as 22:00.

As medidas, que afetam esta região espanhola, vão estar em vigor, pelo menos, durante 14 dias.

Além disso, a região de Madrid decidiu alargar o cordão sanitário a mais seis zonas básicas de saúde e cinco localidades, que juntamente com as já em vigor – 41 zonas e 14 localidades – perfazem um total de 47 zonas básicas e 19 municípios.

Nestas áreas vivem mais de 1.367.000 habitantes, 20% da população da capital, e são responsáveis por 25% dos casos de infeção por covid-19 na região.

A saúde é um setor que está descentralizado em Espanha e praticamente todas as comunidades autónomas estão a anunciar novas medidas de luta contra a pandemia de covid-19.

Várias regiões também pediram ao Governo central que estude a possibilidade de voltar a impor o confinamento domiciliário.

Neste momento está em vigor o estado de emergência com um recolher obrigatório em todo o país, que começa e termina a horas diferentes e muitas outras medidas, dependente de cada uma das regiões.

A maior parte dos dirigentes nacionais e regionais têm apelado à população para ficar em casa e só sair se for mesmo necessário.