De que está à procura ?

reinounido
Lisboa
Porto
Londres, Reino Unido
Colunistas

Palavras de origem portuguesa usadas em todo o mundo

Pensavam que só a língua inglesa é que exportava palavras? Pois enganam-se: a língua portuguesa também deixou sementes em várias partes do mundo. Porque nos tempos em que Portugal dominava os mares, dominava também as influências linguísticas.

Atualmente, todos os idiomas possuem uma forte tendência em adotar palavras com origem inglesa. Mas nem sempre foi assim. Na época em que Portugal deu a conhecer novos mundos ao mundo, muitas foram as palavras de origem portuguesa que foram sendo adotadas por outras línguas… mosquito, comando, zebra… Pasmem-se! Aqui ficam alguns exemplos de palavras de origem portuguesa ainda hoje usadas em todo o mundo.

Cobra
Tem origem no século XVII, quando os portugueses utilizaram pela primeira vez o termo “Cobra de Capello”.

Auto-da-fé
Esta palavra é por vezes utilizada exactamente como está nos países de língua inglesa para descrever um dos episódios mais vergonhosos da História, relacionado com a inquisição.

Comando
Com origem no século XVIII, designava as milícias que combatiam entre Angola, Namíbia e África do Sul.

Fétiche
Origem na palavra portuguesa feitiço.

Albino
Indivíduo de cor totalmente branca devido a uma mutação genética. Usada pela primeira vez pelos portugueses no século XVIII.


Albatroz
Nome de ave marinha. Usada pela primeira vez pelos portugueses no século XVII.
Veranda
Neste caso, a língua inglesa utilizou a fonética da nossa palavra e alterou-a “ligeiramente” para designar varanda ou alpendre.
Banana
Nome de fruto usado pela primeira vez pelos portugueses no século XVI.Cachalote
Espécie de baleia. Usado pela primeira vez pelos portugueses no século XVI.

Tempura
Nome de prato japonês com origem provável na palavra portuguesa tempero. Porém, No século XVI, os católicos abstinham-se de comer carne nos dias de “Têmporas”, os três dias de jejum semanal, em cada uma das quatro estações do ano. Os portugueses no Japão, como bons católicos, comiam nestes dias apenas legumes e peixe, que frequentemente eram empanados e fritos, para espanto do japoneses que os consumiam crus ou cozidos. Os japoneses cristianizados pelos Jesuítas também passaram a consumir alimentos fritos durante as Têmporas e, assim, a palavra “Têmpora” passou a ser associada no Japão aos empanados de legumes.

Zebra
Animal selvagem semelhante ao cavalo, com listas. Este nome foi usado pela primeira vez pelos portugueses em 1600.

Mosquito
Tipo de inseto cuja palavra deriva do diminutivo português de “mosca”.

Aqui ficam mais algumas:

Palavras de origem portuguesa utilizadas na língua espanhola
Caramelo
Alecrín (Alecrim)
Jangada
Lancha
Ostra
Perca
Mandarín (Mandarim)
Barroco
Chato
Mimoso
Enfadar
Placentero (Prazenteiro)

Palavras de origem portuguesa utilizadas na língua francesa
Albatros (Albatroz)
Bambou (Bambú)
Baroque (Barroco)
Caste (Casta)

Palavras de origem portuguesa utilizadas na língua japonesa

Furasuko

Como pode uma palavra tão bizarra ter origem portuguesa? É fácil, tentem ler de forma mais rápida. Furasko provém da palavra portuguesa “frasco”.

Botan
A palavra “Botan” em japonês derivou da palavra “botão” em português.

Pan
Os japoneses não devem dizer “pan nosso de cada dia”, mas a verdade é que “pan” derivou da palavra pão em português.

Koppu (copo)
Iruman (irmão)

Arigatô
Ao contrário da crença de alguns, “arigato” não tem origem na expressão portuguesa obrigado. Na realidade, “arigato” é a forma moderna do “arigatashi” do japonês arcaico que consiste da aglutinação de “Ari” do verbo “Aru” (ser, estar, existir) e “Katashi” um adjetivo que significa dificuldade. A expressão tem origem da forma como os budistas louvavam duas divindades, e agradeciam pelos ensinamentos budistas. Literalmente, a expressão quer dizer “Há dificuldade”, algo como “Tenho dificuldade em expressar minha gratidão frente ao seu ato”.